Para Refletirmos

O pensamento comunista me trás sentimentos de profundo amor. É como as gotas de chuva para as plantas depois de um longo período de estiagem: vem para purificar e dar lugar a nova estação.

Miriam Pacheco S. Seixas

terça-feira, 14 de julho de 2009

LUNA



(Miriam Pacheco)

Tua alma criança

ama a luna

e a vida

nas horas frias da noite

tu ó linda luna

em meio a escuridão luta

com a terra,

por que sol

insiste em surgir e querer

lhe ofuscar.

Seu brilho é incomparável.

Bela Lua, ser sereno e celeste,

Sol que espere um pouco

tu ainda és face bem nova,

mas um dia serás lua cheia

e inda assim reinará

no céu noite a fora.

Menina que brinca e sonha

enche os mortais de esperança

toda vez que aponta no céu,

mas entendi seu lugar no espaço

e sabes que todas as madrugadas frias

ainda poderá sempre voltar

e um coração de sonhos e esperança

ainda poderá sempre ninar.

Bela luna rainha de varias fases

mas sempre presente

fazendo da vida

de seres mortais

um lindo sonho

luna és forte

resiste a tudo

e sempre volta

no céu a brilhar.


Dedico para uma pessoa muito especial Tati minha amiga e sua filhotinha linda.


Nenhum comentário:

Postar um comentário